Polícia francesa prende mais 4 suspeitos por morte de professor que mostrou caricatura de Maomé

Ao todo, 9 pessoas foram detidas. Homem apontado como responsável por decapitar a vítima foi morto pela polícia.

Por G1 17/10/2020 05h05 Atualizado há 10 horas

A polícia da França prendeu entre a noite desta sexta-feira (16) e a madrugada deste sábado (17) mais cinco suspeitos de participação no assassinato de um professor que mostrou caricaturas de Maomé a seus alunos. Assim, o número de detidos pelo crime subiu para nove. O homem apontado como o responsável por decapitar a vítima foi morto pela polícia.

  • Quem era Samuel Paty, o professor decapitado na Fran